Postado em 6 de setembro de 2021

Senta e medita!

Autor(a): Diva Paiva

 Você também anda querendo meditar? Atualmente parece que todo mundo medita, pois meditar virou um hábito entre as pessoas que se cuidam. Seus amigos dizem que meditam, seu terapeuta medita. Você vê um artista que medita, o famoso, o anônimo, todo mundo está meditando. Em lugares públicos, nos parques, nos jardins pessoas excêntricas meditam. Em casa, nos templos, ao pôr do sol, pessoas reservadas também meditam. O mundo parece ter se rendido à meditação. Isso é admirável.

Você poderia pertencer a esse grupo de pessoas que parecem ter encontrado uma fonte de paz, de harmonia ou de sabedoria, quem sabe. Parece haver um segredo aí, pois eles não precisam de se narcotizar como você nem se encherem de diversões ou fugas. Parecem estar no controle de suas próprias vidas, o que, nesse momento de estresse de nossa civilização, é uma grande vantagem.

É como desenvolver uma habilidade que já é sua. Equivale a devolver a visão a quem só está vendo sombras. A prática diária de meditação vai desenvolvendo sua habilidade de aquietar-se até que você consiga estar em estase espiritual, enquanto medita.

Meditar é um exercício que se faz sentado, em silêncio e com regularidade. Comece ainda hoje! Sente-se com a coluna ereta e feche os olhos! Fique atento ao seu corpo imóvel, ao alinhamento das costas e à respiração quase profunda, lenta. Sinta, perceba, concentre-se com leveza. Procure não raciocinar, não planejar, não se ocupar com nada durante 1 minuto por dia para começar. Faça todos os dias. Depois aumente esse tempo.

“Logo no início da meditação podem aparecer, na frente da testa, luzes de várias cores, assim como vermelhas, brancas, azuis, verde, uma mistura de verde com vermelho, etc... Às vezes aparecem imagens de seres celestiais. Curve-se mentalmente diante deles. Receba conselhos, eles lhe aparecem para ajudar e para encorajá-lo. No fim da meditação e da concentração verá no centro da fronte, uma luz brilhante e relampejante. Isso durará meio ou um minuto e depois desaparecer...”, segundo o livro de Swami Sivananda, Concentração e Meditação.

Mas, pode ser que, para você, tais luzes não apareçam, que os seres celestiais não deem as caras, não desanime por isso, o objetivo é desenvolver sua capacidade de se concentrar interiormente. A prática do Yoga irá ajudá-lo a progredir nesse sentido.


** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Alfenas Hoje

Diva Paiva
Professora de Yoga


-

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Informamos ainda que atualizamos nossa

Estou de acordo