Postado em segunda-feira, 16 de setembro de 2019 às 14:02

Alfenense passa bem pelo Vale Verde; Pernalonga e Chapadão ficam no zero

As partidas, realizadas no domingo, foram válidas pela Copa Alfenas.


Otávio Borba

A Copa Alfenas (Campeonato Amador de Futebol) teve prosseguimento no domingo, no Estádio Rachid B. Saliba (Campo do Operário). O Alfenense foi bem e superou o Vale Verde por 3 a 1, enquanto Chapadão e Pernalonga empataram em 0 a 0.

O Alfenense conseguiu a sua segunda vitória. Começou meio disperso o time comandado por Cleitão Cecílio e demorou a se encontrar no jogo, enquanto o Vale Verde apenas se defendia. Na rodada passada, o Alfenense goleou o Pernalonga

O primeiro gol veio aos 30 minutos, após cobrança de escanteio por Alexandre Coelho e o zagueiro Edinan cabeceou firme, fazendo 1 a 0.

E como o Vale Verde cedia campo, o Alfenense foi tomando conta do jogo. E aos 42 minutos, em passe de Coelho, Kleber Magrão fez o segundo gol, tocando na saída do goleiro Demilson "Boca".

Bons jogos em mais uma rodada da Copa Alfenas de Futebol Amador (Foto: Otávio Borba)


Na etapa final, o Alfenense andou desperdiçando várias oportunidades e o goleiro Demilson Boca apareceu bem, fazendo várias defesas. Aos 10 minutos, após passe de Rodrigo Oliveira, Japinha que entrou no intervalo fez o terceiro do time do presidente Luiz Carlos Andrade.

O Vale Verde, comandado por Clésio Santos, até que esboçou reação e aos 15 minutos, Wesley " Feijão" deixou a sua marca, após passe de Gustavo Carvalho, fazendo um lindo gol de letra.

Após este gol, o Vale Verde até que tentou chegar a meta de Max Augusto, mas parou na consistente defesa do Alfenense. E o placar ficou mesmo em 3 a 1 para o Alfenense.

A arbitragem esteve a cargo de Duílio Assis, sendo auxiliado por Jefferson Kleber Assis e Juraci Bispo das Virgens.

O Alfenense venceu com Max Augusto, Alisson Alves, Edinan, Danilo Lourenço e Marcelinho, Eduardo Mamão, Rafael Carneiro e Kleber Magrão, Gustavo Lourenço, Rodrigo Oliveira e Alexandre Coelho. No banco, o treinador Cleitão contou com Japinha, Chistofer, Juliano Carlos e Diego Cristiano,

O Vale Verde/Casas Coelho perdeu com Boca, Gustavo Carvalho, Jeferson Silva, Eguinaldo e Vanderley Junior, Flávio Nogueira, Alessandro Junior e Paulo Vinicius, Alesandro Fumaça, Guilherme Feijão e Wesley. No banco, Clesio Santos contou com Wanderson e Edevaldo.


Chapadão e Pernalonga ficam no empate

E, n o segundo jogo desta quarta rodada, o Chapadão e o Pernalonga ficaram no 0 a 0. Em uma partida bastante tumultuada, repleta de reclamações e entradas viris, o gol ficou apenas no quase.

Jogo muito igual com as duas defesas se sobressaindo. O meia esquerda Guilherme Canhoto foi quem mais levou perigo a meta do goleiro Jefinho, que andou trabalhando bem, principalmente em bolas paradas.

No mais foi um jogo muito truncando e de pouca criatividade. E o placar ficou mesmo no 0 a 0. Com as duas equipes reclamando demais do árbitro Alexandre Flausino, que acabou se perdendo e se equivocando após expulsão do atacante Sheik que estava para ser substituído. Isto aconteceu e o Chapadão mesmo com Fernando expulso, ficou com 11 jogadores.

Alertado pelos delegados do jogo Wellingtonj Ruela e Luciano Fernando Babalu, ele se refez do seu erro e o Chapadãio ficou com dez jogadores. Mesmo assim o Pernalonga não se encontrou e coube mais expulsões. Além de Fernandinho, Otoniel Boi, do Chapadão, Guilherme Cardoso e Guilherme Canhoto, do Pernalonga, também foram expulsos. Jefferson Kleber e Juraci Bispo foram os auxiliares. Na súmula, Wania Florêncio.

O Chapadão empatou com Jefinho, Daniel Divino, Júlio César, Ederson e Hiago Lourenço, Guinho, Lucas Vinicius, Iago Rodrigues e Kelison, Wallas e Fernandinho Sheik. No banco, o treinador Itamar Borges contou com Bruno Rodrigues, Ivan Fernandes, Eduardo Carvalho e Gabriel Braga.

O Pernalonga jogou com Paulo Roberto, Wiriz, Pedro Paulo, Samuel Júlio e Jhonatan, Guilherme Cardoso, Diemis, Guilherme Canhoto, Lucas Santos, Gabriel Patrick e Levi Campos. No banco, o treinador Josiel Gomes contou com Sival, Sérgio Henrique, Antônio Marques, Gustavo Gaúcho e Marcos Paulo.



DEIXE SEU COMENTÁRIO

Caracteres Restantes 500

Termos e Condições para postagens de Comentários


COMENTÁRIOS

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.