Postado em quarta-feira, 2 de março de 2016 às 23:47

PMDB tem três nomes para disputa majoritária e tendência é compor com o PT

 Alessandro Emergente

O PMDB tem três nomes apresentados para uma chapa majoritária, que deve ser encabeçada pelo PT na disputa pela prefeitura de Alfenas. O médico Boaventura Passos Vinha, o ex-prefeito José Batista Neto e o padre Carlos Virgílio Saggio, recém-filiado, são os nomes colocados pelo partido.

De acordo com o vice-presidente do PMDB/Alfenas, o advogado Marco Antônio Gomes de Carvalho (Marquinhos do SUS), o partido vem mantendo diálogo com o PT na tentativa de reproduzir, na disputa local, as alianças nacional e estadual entre as duas legendas, hoje as duas com as maiores bancadas no Congresso Nacional. “O que com certeza favorecerá a captação de recursos para a cidade a partir de 2017”, defende.

Sobre a informação dada no último domingo ao Alfenas Hoje pelo pré-candidato Marcos Eduardo Andrade (Dr. Marcos), de que haveria uma conversa com representantes do PMDB local, Carvalho diz que houve apenas uma “sondagem” e que as conversas estão sendo realizadas com o PT, que tem o ex-prefeito Luiz Antônio da Silva (Luizinho) como pré-candidato . O petista tem até o início do próximo mês para deixar a Secretaria de Saúde de Limeira para ter condições legais de ser candidato. 

Carvalho diz que o PMDB não descarta entrar na disputa como “cabeça de chapa”. Caso não haja consenso sobre a definição do nome e da estratégia nas eleições deste ano, haverá a necessidade de uma convenção do partido, com a participação dos três pré-candidatos do PMDB.

Nomes

O nome de Boaventura vem sendo bastante comentado nos bastidores como um possível vice na chapa encabeçada por Luizinho. O médico foi secretário de Esportes durante os oito anos de gestão do PT e é ligado ao ex-prefeito.

Porém, o nome de Padre Saggio surgiu com força, no final do ano passado, após deixar a batina. Ele e Luizinho se aproximaram e mantém diálogos.

O padre comandou a Paróquia São Pedro, além de atuar, antes, nas cidades de Carmo do Rio Claro, Poços de Caldas e Capetinga. À frente da Paróquia São Pedro, ele construiu uma igreja, no bairro Residencial Oliveira, além de um centro para atividades festivas.

Já a opção por uma dobradinha com José Batista seria uma opção por um discurso da experiência, em uma chapa composta por dois ex-prefeitos. O peemedebista foi prefeito, de 2003 a 2004, após a saída de José Wurtembeg Manso (Beg), e chegou a apoiar o então candidato Pompilio Canavez (PT) em 2004, quando o PT chegou ao governo pela primeira vez.

Padre Saggio, José Batista e Boaventura são os nomes colocados pelo PMDB
como pré-candidatos (Fotos: Alessandro Emergente/Arquivo e Reprodução)

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Caracteres Restantes 500

Termos e Condições para postagens de Comentários


COMENTÁRIOS

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.