Postado em domingo, 28 de fevereiro de 2016 às 21:41

Pré-candidato, Dr. Marcos acerta sua ida para o PSB e oficializará filiação

 Alessandro Emergente

O médico oncologista Marcos Eduardo Andrade (conhecido como Dr. Marcos) acertou sua ida para o PSB e a expectativa é que o ato de filiação seja oficializado essa semana em Belo Horizonte. A informação foi confirmada à reportagem, na noite deste domingo, pelo próprio médico, que colocou seu nome como pré-candidato a prefeito de Alfenas.

A ida de Marcos Eduardo para o PSB foi acertada diretamente com a direção estadual do partido, incluindo lideranças como Márcio Lacerda, prefeito de Belo Horizonte e presidente estadual da legenda, e com Rui Muniz, prefeito de Montes Claros. Esse último seria o “padrinho” do oncologista no PSB.

Na noite deste domingo, Marcos Eduardo postou, nas redes sociais, uma foto sua com Lacerda. Na sexta-feira, ele também esteve em um encontro em Poços de Caldas com a presença de lideranças do PPS e do PSB, incluindo o presidente do PSB/Alfenas, Fábio Sôssur (Fô).

A filiação de Marcos Eduardo ao PSB deverá ser feita em um ato festivo em Belo Horizonte. O dia exato da filiação não foi informado, mas deve ocorrer ainda essa semana, acredita o político de Alfenas.

Marcos Eduardo disse que sua saída do PSD, partido pelo qual concorreu as eleições de 2014, foi amistosa e a sigla deve manter apoio a uma eventual candidatura sua. Com a sua saída do PSD, a esposa do médico, Jaqueline Ferreira, é quem assumirá a presidência da legenda em Alfenas. 

Acima. Dr. Marcos com Márcio Lacerda, presidente estadual do PSB, e abaixo durante um encontro, em Poços de Caldas, com diferenças lideranças do PPS e do PSB, entre eles Fábio Sôssur/Fô, presidente do diretório municipal do PSB em Alfenas (Fotos: Reprodução/Facebook) 

As conversas em torno da pré-candidatura de Marcos Eduardo se intensificaram nas últimas semanas e inclui, segundo ele, quatro legendas tidas como certas no grupo: PSB, PPS, PSD e PRB. Além disso, outras duas legendas – PP e PDC - estariam próximas, segundo o médico. Marcos Eduardo revelou ainda que essa semana deverá se reunir com lideranças do PMDB.

A direção do PSB local vinha conversando com o ex-prefeito Luiz Antônio da Silva (Luizinho/PT) para um possível apoio à candidatura petista. Porém, houve resistência em ceder a condição de vice na chapa ao PSB, sendo que a tendência é que o PMDB ocupe essa posição.

Marcão convidado para compor chapa

Marcos José Duarte (Marcão) foi convidado para integrar a chapa ao lado de Marcos Eduardo. Ainda não há uma resposta, mas o oncologista se diz otimista com a possibilidade e não descarta ceder a condição de “cabeça de chapa”.

Segundo Marcos Eduardo, uma avaliação interna do grupo político poderá ser feita até julho, período das convenções partidárias, para verificar qual é o nome em melhor condição de ser “cabeça de chapa”. “Não tenho vaidades. É preciso avaliar o que é melhor”, disse.

Marcão está filiado ao PSDB. Caso ele aceite o convite de compor uma chapa ao lado de Marcos Eduardo e haja resistência dos tucanos, um caminho poderá ser o retorno ao PPS, antiga legenda de Marcão e que hoje integra o grupo de apoio à pré-candidatura de Marcos Eduardo.

No sábado, o vereador Jairo Campos (Jairinho/PDT) disse que o PSDB integra o grupo de partidos que deverá apoiar a sua candidatura a vice na chapa encabeça por Antônio Munhoz (Toninho Munhoz), que deverá se filiar ao DEM. A pré-candidatura dos dois foi acertada entre os partidos que integram a base governista. A direção do PSDB local não chegou a confirmar à reportagem a sua posição. 

Marcão (acima) foi convidado para compor a chapa ao lado de Dr. Marcos,
que definiu sua filiação no PSB (Foto: Alessandro Emergente/Arquivo)

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Caracteres Restantes 500

Termos e Condições para postagens de Comentários


COMENTÁRIOS

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.