Postado em quinta-feira, 20 de agosto de 2015 às 23:52

Polícia deflagra Operação Ecstasy e prende 2 suspeitos de tentativa de homicídio

Foram cumpridos mandados de busca e apreensão e de prisão preventiva dos suspeitos.


 Da Redação

Em uma ação conjunta entre a Polícia Civil e a Militar, com apoio da Guarda Civil Municipal (GM), foram cumpridos seis mandados de busca para desmontar um esquema de tráfico de drogas como ecstasy, lança perfume e LSD.

A “Operação Ecstasy” foi deflagrada na manhã de quinta-feira (20). As apreensões ocorreram três dias antes da realização da Federal Fantasy, festa que – segundo seus organizadores – deve reunir mais de 20 mil pessoas no sábado. A suspeita é que a suposta organização criminosa se preparava para o tráfico de drogas sintéticas aproveitando a realização do evento.

De acordo com a Polícia Civil, na residência de um jovem de 19 anos, cujo o nome não foi divulgado, foram encontrados 13 comprimidos de ecstasy, R$ 210 em espécie e um celular que deverá ser periciado. Em outros endereços, no bairro Vila Teixeira, os policiais apreenderam duas caminhonetes de luxo (uma L200 Triton e um Dodge Ram), que também serão periciadas. 

Acima, material apreendido durante Operação Ecstasy (Fotos: Polícia Civil)

Além desses mandados foi cumprido um mandado de busca e apreensão contra um outro suspeito de tráfico de drogas e roubos, sendo localizados dois tubos eppendorf vazios, duas toucas “ninjas” e uma máscara de um personagem de filme.

Tentativa de homicídio

Em outra ação policial foram presos dois suspeitos de tentativa de assassinato. Deivid dos Santos (conhecido como “Thoca”) e Lucas Donizetti de Moraes foram presos sob a suspeita de tentativa de matar, no último dia 9, o marmorista Weverton Paulino Almeida e Silva, o qual teve seu veículo alvejado por inúmeros disparos. 

Os suspeitos foram apresentados à imprensa na tarde de quinta-feira (Foto: OM Alfenas)

Segundo a polícia, os disparos contra a vítima teriam sido efetuados por Santos após um desentendimento devido a uma jovem. O suspeito teria, após ameaçar a vítima, retornado a rua Alameda dos Jacarandas (Jardim Primavera), onde houve a confusão, com dois revólveres e uma arma de cano longo e efetuado os disparos.

No carro da vítima haviam cinco perfurações. Além disso, a perícia recolheu 11 munições deflagradas no local da tentativa de assassinato. Um dos disparos atingiu a parede de uma residência. 

Os suspeitos foram presos durante cumprimento de mandado judicial (Fotos: Polícia Civil)



DEIXE SEU COMENTÁRIO

Caracteres Restantes 500

Termos e Condições para postagens de Comentários


COMENTÁRIOS

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.