Postado em sexta-feira, 29 de junho de 2018 às 16:04

Auto Escola Metrópole promove doação de sangue no Dia Mundial do Doador

A ação foi realizada para lembrar o Dia Mundial do Doador de Sangue, comemorado no dia 14 de junho.


Publieditorial

A Auto Escola Metrópole de Alfenas promoveu, no último dia 14, uma doação de sangue ao Hemocentro do Hospital Santa Casa de Alfenas. A ação foi realizada para lembrar o Dia Mundial do Doador de Sangue, comemorado no dia 14 de junho.

A iniciativa partiu do instrutor Roberto Ribeiro juntamente com o aluno Felipe Hanchuck Arantes. De acordo com Ribeiro, o objetivo da ação também foi o de homenagear todos os doadores de sangue, além de chamar a atenção das pessoas que ainda não são doadores sobre a importância deste ato, que é responsável pela salvação de milhares de vida. “Foi um pequeno gesto simbólico em favor de uma grande ação”, comentou.


Roberto Ribeiro e o aluno Felipe Hanchuck Arantes drante a doação (Foto: Divulgação)

No Brasil, segundo o site da campanha #PartiuDoarSangue, apenas 1,8% da população se dispõe a doar sangue, enquanto o ideal seria 5%. “Esse cenário vem mudando com as sucessivas campanhas de esclarecimento junto à população para que aumente no número de doadores de sangue em todo País”, disse Ribeiro ao reforçar que a ação da Auto Escola Metrópole pretende contribuir com esse avanço no número de doadores.

Há quatro anos a Organização Mundial da Saúde (OMS) decidiu oficializar 14 de junho como o Dia Mundial do Doador de Sangue. A data é uma homenagem ao nascimento de Karl Landsteiner (1868-1943), um imunologista austríaco que descobriu o fator Rh (uma importante partícula presente no sangue) e várias diferenças entre os diversos tipos sanguíneos.

Para realizar uma doação é necessário ir a um hemocentro mais próximo de sua localidade. O doador deve ser enquadrar em algumas orientações específicas, segundo o site da campanha #PartiuDoarSangue, são elas:

REQUISITOS BÁSICOS

  • Estar em boas condições de saúde.
  • Ter entre 16 e 69 anos, desde que a primeira doação tenha sido feita até 60 anos.
  • Pesar no mínimo 50kg (O Estado do Mato Grosso do Sul exige um mínimo de 55kg).
  • Estar descansado (ter dormido pelo menos 6 horas nas últimas 24 horas).
  • Estar alimentado (evitar alimentação gordurosa nas 4 horas que antecedem a doação). Se for pela manhã, fazer refeição leve, sem gorduras, como café, bolo, pão, cereais e frutas.
  • Apresentar documento original com foto, emitido por órgão oficial.
  • Estar com frequência cardíaca / pulso regulares, entre 50 e e 100 batimentos / pulsação por minuto.


IMPEDIMENTOS PARA A DOAÇÃO

  • Febre, diarreia, gripe ou resfriado.
  • Ingestão de bebida alcóolica 12 horas antes da doação.
  • Gravidez.
  • Amamentação, se o parto ocorreu há menos de 12 meses.
  • Tatuagem/maquiagem definitiva nos últimos 12 meses.
  • Riscos de doenças sexualmente transmissíveis.
  • Exame endoscópico nos últimos 6 meses.
  • Malária, Hepatite, AIDS, Doença de Chagas.
  • Uso de drogas ilícitas injetáveis, uso de cocaína (últimos 12 meses). Uso de outras drogas será avaliado pelo triagista.
  • Diabetes tipos I e II ou insulinodependentes.

 

Roberto Ribeiro juntamente com o aluno Felipe Hanchuck Arantes (Foto: Divulgação)

Roberto Ribeiro & Marcos Aurélio
Instrutores e Administradores